Categoria Releases

Voluntários do “Praia Limpa, Praia Viva” farão mutirão de limpeza na praia de Babaçulândia

13
Lixo deixado na praia de Araguanã na temporada de 2016

Finalizando as ações da campanha “Praia Limpa, Praia Viva” de 2017, a Associação Comercial e Industrial de Araguaína – ACIARA, em parceria com a Prefeitura de Babaçulândia, fará um mutirão de limpeza na Praia do Coco neste sábado, dia 16, a partir das 8 horas.

A mobilização ainda conta com o apoio da Universidade Federal do Tocantins e do Consórcio Estreito de Energia – CESTE. “Usaremos barcos para circular pelas áreas mais frequentadas pelos banhistas e recolher o que foi deixado para trás pelos turistas irresponsáveis”, informa a coordenadora do projeto e diretora da ACIARA, Juliane Carneiro.

Assim como acontece em todos os anos, o objetivo do arrastão é recolher a maior quantidade de lixo possível deixada pelos banhistas no rio, nas praias e acampamentos. Em 2016, a ação de recolha retirou duas caçambas cheias de resíduos como plásticos, madeiras e palhas usadas para montar as barracas, ferros, vidros, tambores usados como fossas e até geladeira

Projeto ambiental da FACIT conscientizou ribeirinhos do Rio Araguaia sobre a importância da preservação das matas ciliares

1

Pela terceira vez consecutiva, a Faculdade de Ciências do Tocantins – FACIT realizou o projeto “Proteção da Mata Ciliar do Rio Araguaia” com a participação de alunos e professores dos cursos de Administração e Análise e Desenvolvimento de Sistemas e membros da direção da instituição.

Nos últimos dias 7, 8 e 9 de setembro, uma comitiva da faculdade levou informações ambientais para a população ribeirinha e turistas, que frequentavam as praias do Rio Araguaia, próximo à cidade de Araguanã. Foram compartilhadas orientações sobre a importância da preservação das matas ciliares e o perigo do assoreamento do rio.

Além da conscientização pela conversa e por meio de panfletos informativos, foram distribuídas mudas de plantas nativas da região, além do plantio propriamente dito de 150 mudas por parte da equipe da FACIT.

Educando para o futuro

Segundo o professor Marcelo Molina, é importante reforçar a necessidade de continuidade do projeto. “Por meio dessa ação, estamos conseguindo levar à essa população boas práticas ambientais”, enfatizou.

Durante a visita, que aconteceu sob a coordenação dos professores Rogério Brito, Severina Alves (Sissi) e Marcelo Molina, os alunos encontraram novamente a Dona Cida, moradora que foi orientada sobre a importância de continuar preservando a natureza no projeto do ano passado. Eles puderam acompanhar, também, o crescimento das mudas já plantadas, uma pequena recompensa pelo trabalho bem feito.

De acordo com o acadêmico do 2° período de ADS, Stefanio Felipe, a visita foi fantástica. “Foi uma experiência de campo produtiva, na qual tive o prazer de conhecer de perto as pessoas que vivem nas margens do Araguaia e que necessitam de apoio e orientação. Vimos o resultado do projeto de anos anteriores na visita à chácara da Dona Cida, fizemos vínculos de amizades e fortalecemos nosso aprendizado”, destacou o estudante.

Projetos Ambientais

O “Proteção da Mata Ciliar do Rio Araguaia” é uma extensão do projeto “Plantar e Cuidar”, que faz parte do trote solidário e envolve todos os calouros no reflorestamento do campus II da instituição.

A fase que abrange o Rio Araguaia consistiu em duas etapas: na primeira os professores orientaram os alunos sobre o teor da ação, além de falar sobre como seria feita a abordagem à população ribeirinha e turistas.

A segunda etapa aconteceu em campo, durante a visita. Acadêmicos e professores abordaram a população e os acampamentos encontrados às margens do rio Araguaia.

Fotos: Arquivo Pessoal

ACIARA: Nota sobre os recursos para a duplicação da TO-222

A Associação Comercial e Industrial de Araguaína – ACIARA manifesta profundo descontentamento e revolta com a decisão da Comissão de Constituição e Justiça da Assembleia Legislativa do Tocantins que retirou R$ 45 milhões do recurso total de R$ 86,5 milhões previstos para a duplicação da TO-222, no trecho entre Araguaína e o distrito de Novo Horizonte.

Em nome da classe produtiva de Araguaína e de toda a sociedade, a ACIARA espera, no mínimo, que os deputados da cidade, e outros mais que aqui fizeram campanha e tiveram votação expressiva, sejam duros e persistentes no requerimento elaborado para questionar o “remanejamento” do recurso e o retorno dos R$ 86,5 milhões integrais para votação da Assembleia.

É inaceitável que a segunda maior cidade do estado e Capital Econômica do Tocantins seja desprestigiada de tal forma, uma vez que o próprio município, há anos, batalha para conseguir recursos de origem estadual, seja do Executivo ou emendas do Legislativo.

A TO-222 é uma das principais rodovias estaduais da região norte, por onde circulam milhares de pessoas e mercadorias todos os meses, gerando emprego, renda e arrecadação para os cofres públicos. A ligação com os estados do Pará e Maranhão por meio da rodovia também é outro importante fator que sinaliza a necessidade de duplicação e investimentos em sinalização.

A região onde está prevista a obra também avança do ponto de vista estrutural, abrigando, hoje, um campus de uma faculdade, uma área onde está previsto o novo parque de exposições da cidade, loteamentos, centros logísticos de uma distribuidora de bebidas e supermercado, entre outros empreendimentos.

Por isso, é inegável a importância da obra para o desenvolvimento da região. Mais uma vez, a ACIARA convoca os deputados a honrar os votos de confiança que receberam da população araguainense e, assim, lutar até o fim pela manutenção do recurso para a duplicação da TO-222.

ACIARA e Prefeitura unem forças para organizar o Natal de Araguaína

Parceria ACIARA e Prefeitura - Natal (1)

Durante a última reunião ordinária da Associação Comercial e Industrial de Araguaína – ACIARA, realizada no dia 22, diretores e associados da entidade receberam o prefeito da cidade, Ronaldo Dimas, para falar sobre a programação e decoração das ruas já para o período natalino de 2017.

Conforme o cronograma de atividades da ACIARA, os preparativos para a campanha de Natal já começaram, por isso os comerciantes solicitaram do poder público municipal uma posição sobre a decoração do centro comercial e outros espaços.

“Usando o exemplo de Palmas, vemos que uma cidade decorada é um atrativo a mais para que as famílias saiam às ruas para apreciar as luzes e as demais atrações. Isto, inclusive, atrai visitantes de outras cidades. Mais pessoas no comércio com certeza vão melhorar as vendas”, pontuou o diretor Wiliam Rezende.

Parceria

Ficou acordado que ACIARA e Prefeitura irão firmar uma parceria para trabalhar a decoração das ruas e as atividades tradicionais, como os shows e apresentações da Vila de Natal. A entidade empresarial fará um estudo e apresentará ao Executivo Municipal.

O prefeito Ronaldo Dimas frisou que o poder público já está trabalhando para que Araguaína seja uma cidade diferente, que tenha atrativos diferenciados para que os moradores dos municípios vizinhos venham cada vez mais para cá. E que, nos momentos festivos, isso é muito importante, porque movimenta demais a economia, principalmente no Natal.

“A ACIARA, a força do comércio local, e a Prefeitura, unidas para fazer algo que chame mais a atenção, que valorize a própria cidade, é bastante interessante e muito positivo. Acredito que isso vá aumentar bastante o fluxo de consumidores no nosso comércio”, informou o prefeito.

Campanha mais extensa

De acordo com o que foi apresentado pela diretoria ao prefeito, a ideia inicial é inaugurar a decoração de Natal durante as festividades do aniversário de Araguaína, em 14 de novembro. “Sabemos que haverá celebrações com shows aqui na cidade e vamos receber muitos visitantes. Quando estas pessoas virem que Araguaína já está preparada para o Natal, será um atrativo a mais para que elas voltem em dezembro para cá”, disse o diretor Renato Freire.

“Vamos abraçar esse novo projeto de pensar o Natal em Araguaína como um todo. Vamos fazer acontecer junto à Prefeitura. Vamos trabalhar para que este seja o melhor Natal que nossa cidade já teve”, finalizou o presidente da ACIARA, Márcio Parente.

Fotos: Ricardo Sottero

Dia D de combate ao fumo e colesterol teve ação do IBGH no Parque Cimba

unnamed

O público que foi curtir o final de tarde no Parque Cimba, no último dia 18, encontrou algo diferente e bastante informativo. Colaboradores do Hospital Municipal de Araguaína (HMA) e da Unidade de Pronto Atendimento (UPA), geridos pelo Instituto Brasileiro de Gestão Hospitalar – IBGH, organizaram uma ação de conscientização em comemoração ao Dia D de Combate ao Fumo e Colesterol (29 de agosto).

Com uma equipe composta por enfermeiros, nutricionistas e assistentes sociais, os profissionais deram orientações sobre os riscos do fumo, do colesterol alto e da importância de uma boa alimentação aliada a exercícios físicos regulares.

O IBGH contou ainda com a ajuda de acadêmicos de medicina do ITPAC e do professor de Zumba do SESI, Ivan Mousinho.

A analista de RH do IBGH, Elizangela Rocha, disse que o local foi escolhido estrategicamente por ser um ponto de reunião para os praticantes de caminhada e outros esportes no final da tarde. “Queríamos atingir o máximo de pessoas, mostrar para a população o perigo que os maus hábitos trazem para a saúde de todos”, explicou.

Sua saúde está em dia?

Durante todo o fim de tarde, os frequentadores do Parque Cimba puderam aferir a pressão arterial, calcular o Índice de Massa Corporal (IMC), baseado em altura e peso, e medir a circunferência abdominal. Baseado nesses dados, os nutricionistas davam orientações para uma alimentação mais saudável, além de dicas para exercícios físicos.

“Recomendamos também o fim do vício do fumo, porque esse hábito afeta não só ao fumante, mas todos a sua volta. Falamos sobre alimentação saudável e ensinamos aos que tem colesterol alto sobre como reduzir, controlar e até mesmo prevenir”, informou a nutricionista do Hospital Municipal de Araguaína, Yasmym Oliveira.

A pedagoga Meiriane Alves aferiu a pressão, conversou com a nutricionista e descobriu que está com a saúde em dia. “A maioria das pessoas hoje precisa de acompanhamento alimentar, porque estamos expostos a muitas doenças causadas pela má alimentação como a diabetes. Ter esse tipo de orientação prévia ajuda muito”, disse.

Mais do que dança

As atividades incluíram uma aula de zumba com o professor Ivan Mousinho, que explicou que a atividade é completa. “A zumba é um programa de treinamento que envolve vários ritmos musicais, é muito mais do que uma aula de dança. As pessoas podem alcançar uma melhor forma física por meio da zumba”, destacou Ivan.

Fotos: João Neto

Araguaína Tem superou as expectativas e movimentou a economia durante três dias

unnamed (1)

Considerada um sucesso entre empresários e público, a feira de negócios “Araguaína Tem” movimentou o comércio araguainense nos últimos idas 10, 11 e 12 de agosto. Com palestras, desfiles de moda, show de rock e até uma simulação de atendimento a feridos em um acidente de trânsito, a feira apresentou a força produtiva de Araguaína.

A diretoria da Associação Comercial de Araguaína – ACIARA participou em peso e ficou animada com a movimentação. O diretor Carlos Júnior explicou que a expectativa era de fechar muitos negócios.

“O fluxo de pessoas foi bem grande, os comerciantes que vieram expor na feira estavam bem animados e a feira veio em boa hora para a economia de Araguaína”, enfatizou o diretor.

A diretora Juliane Carneiro destacou que a feira superou todas as expectativas. “Conseguimos mostrar para os araguainenses e região as potencialidades da nossa cidade, que aqui tem tudo o que as pessoas buscam. A gente fortaleceu isso e mostrou que a pessoa não precisa ir comprar fora porque a nossa cidade tem”, disse.

A feira Araguaína Tem foi uma iniciativa da ACIARA com as importantes parcerias do Governo do Estado, Prefeitura de Araguaína, SEBRAE e Sindicato Rural de Araguaína.

“O sucesso anda de Limusine”

A sexta-feira foi aberta com a palestra “O sucesso anda de Limousine”, do empresário brasileiro Jota Abussafi, que saiu do Brasil com 400 dólares no bolso e, com muito trabalho duro, determinação e fé, fez fortuna no Estados Unidos.

Jota se surpreendeu com o porte de Araguaína e a organização do evento. “Essa é uma cidade muito legal, tem ótimos hotéis, bons restaurantes e o povo é muito hospitaleiro. A organização do evento está de parabéns”, disse.

Durante a palestra, Jota contou sobre a sua experiência de vida e tudo o que passou até chegar onde está hoje. Ele também deu dicas a todos os que sonham em um dia alcançar o sucesso. “Vim passar uma mensagem de fé, coragem, trabalho, determinação e que nós somos mais importantes do que os políticos, nós temos a força de trabalho, nós temos a coragem e a determinação, então o pequeno, o médio e o grande empresário devem acreditar mais no seu negócio”, enfatizou o empresário.

Comércio aquecido

Um dos objetivos da feira foi aquecer o comércio de Araguaína, colocando lado a lado vários ramos empresariais. A inciativa da ACIARA agradou os comerciantes, como contou Matheus Carvalho, sócio de uma loja de colchões. “Achei a organização muito inteligente. Esse corredor de ofertas acaba valorizando o comerciante, isso aquece o mercado e é justamente disso que precisamos”.

A feira inclusive acabou superando as expectativas do gerente Alan Rodrigues, de uma loja de materiais para construção. “O movimento foi muito bom, veio até gente de fora querendo conhecer os nossos produtos. Acredito que o ‘raguaína Tem’ deveria acontecer todos os anos”, destacou o gerente.

Simulação de acidente de transito

Entre a palestra e o desfile de modas, o público foi surpreendido com uma simulação de atendimento de urgência e emergência com resgate de vítimas em um acidente de trânsito.

Os profissionais do Corpo de Bombeiros e Samu realizaram todos os procedimentos de imobilização das vítimas fictícias, uma motociclista acidentada e um motorista preso no carro.

Desfile de moda adulta

Encerrando a segunda noite, um grande desfile de modas fez com que os olhos dos presentes brilhassem. Homens e mulheres dividiram a passarela em um desfile completo, de peças para o trabalho e festas até moda íntima.

O desfile contou com a presença da modelo e integrante do programa Pânico na Band, Ana Paulo Minerato, que arrancou aplausos e suspiros do público.

A professora Maísa Alves adorou a organização da feira e não conteve os elogios. “O desfile foi muito bem preparado com lindas roupas, com destaque para a moda íntima, que fugiu do convencional trazendo peças não usuais para dar um requinte especial às performances”, destacou.

Ciclo de Palestras

Para o público curioso por experiências de sucesso, a organização da feira preparou um ciclo de palestras recheada de nomes já reconhecidos em Araguaína.

O empresário Oto Alvarenga falou sobre o tema “Sua concorrência já está online, e você?”. Logo após foi a vez de Márcio Jordano com “Entre no jogo para vencer! Sacadas de alta performance”.

E a última noite de palestras foi encerrada com o Talk Show “Hora da Virada”, realizado pelo SEBRAE. Empresários de destaque em Araguaína compartilharam experiências de sucesso em meio a uma conversa descontraída. Participaram o superintendente do SEBRAE-TO, Omar Hennemann, o agropecuarista Epaminondas de Andrade, o contador Alberto Sousa Brito e a empresária Hélida Dantas.

Segundo Hélida, a intenção foi de inspirar novos empreendedores a acreditar em seus sonhos. “É por meo da minha história de vida que espero contribuir e inspirar pessoas a alcançarem seus objetivos”, destacou.

Stand Up Comedy e Show de Rock

Tocando músicas consagradas nacionalmente e cativando o público, a banda The Norths mostrou a força das bandas regionais no cenário cultural araguainense. O convite para participar da feira foi elogiado pelo guitarrista Leny Wilgner.

“Os organizadores do evento tinham a intenção de atingir todos os gostos, desta forma, trouxeram forró, sertanejo e Rock, e lembraram-se da gente. Fico muito feliz por termos a oportunidade de tocar aqui”, contou.

E para encerrar a feira, uma das atrações mais aguardadas, o stand up comedy com Diogo Portugal. Com piadas inteligentes que falavam de situações cotidianas, uma consulta no médico e viagens de avião, Diogo arrancou gargalhadas da plateia.

Saldo mais que positivo

Gerando negócios e aquecendo o comércio não só dentro da feira, mas do lado de fora também, o Araguaína Tem foi um sucesso. Para o presidente da ACIARA, Márcio Parente, o volume de negócios foi bem alto somente para estruturar a feira. “Só no comércio de Araguaína, foram movimentados mais de R$ 1 milhão. 90% da estrutura montada no parque veio diretamente da cidade, ou seja, todo esse dinheiro foi injetado diretamente na economia daqui”, explicou Márcio.

Fotos: João Neto

Recepção dos calouros da FACIT teve palestra sobre sustentabilidade e plantio de árvores

unnamed (2)

Os novos alunos dos cursos de Análise e Desenvolvimento de Sistemas, Odontologia e Administração que ingressaram na Faculdade de Ciências do Tocantins – FACIT neste segundo semestre tiveram uma tarde de sábado (5) diferente e sustentável. Foi mais uma edição do projeto Plantar e Cuidar, que substitui o trote violento e constrangedor por ações ambientais.

Após uma breve apresentação da direção, coordenadores e professores da FACIT, os calouros assistiram a palestra “Sustentabilidade no mundo dos pequenos negócios”, ministrada pelo engenheiro agrônomo Marcio Zerbini.

Ainda dentro da programação, os estudantes conheceram um pouco mais sobre a FACIT e seus vários projetos sociais como o “Papa Pilhas”, o “Sorrir e Cantar” e várias das ações desempenhadas pela instituição dentro da comunidade do Costa Esmeralda.

A palestra

A sustentabilidade dos pequenos negócios é uma nova área visualizada por Márcio que tem por objetivo a inserção de profissionais contemplando as empresas de pequeno porte, responsáveis por quase 90% do volume de negócios de cidades como Araguaína. Uma empresa, para se manter viva, precisar ter como base o tripé econômico, social e ambiental.

Segundo Márcio, o objetivo da palestra foi trazer para o acadêmico a visão micro dos negócios. “O estudante entra na faculdade tendo a visão macro das empresas, de que, assim que acabar a faculdade, ele vai entrar em uma grande corporação e não é assim que funciona. A partir do momento que ele volta os olhos para o pequeno empresário, ele começa a gerar desenvolvimento para a cidade”, destacou.

Recepção mais extensa

A consciência ecológica dos acadêmicos foi estimulada e incentivada com a parte prática do projeto, o plantio de mudas de árvores típicas do Cerrado na área externa no campus II da faculdade.

Além de plantar, os alunos também se responsabilizam por acompanhar o crescimento das plantas e “cuidar” para que seu desenvolvimento seja pleno e saudável.

Segundo a diretora geral da FACIT, Dra. Ângela Maria Silva, o trote não acaba no plantio de árvores. “O trote social esse semestre será a arrecadação de três mil brinquedos que serão doados às crianças do Costa Esmeralda, onde a Facit tem uma base de apoio a comunidade”, disse.

Consciência ambiental dando certo

Rainan de Sousa é calouro de Odontologia e entendeu que, se cada um fizer a sua parte, é possível ajudar o meio ambiente. “A partir do momento que uma pessoa toma consciência ambiental e realiza ações como essa do plantio de mudas, todo mundo é impactado de forma positiva. É uma maneira de a gente fazer na cidade um reflorestamento e tentar amenizar um pouco o clima quente”, enfatizou.

Fotos: João Neto